domingo, 24 de julho de 2016

Pânico na Unijorge: polícia negocia rendição de suposto homem-bomba



A polícia tenta negociar a rendição de um homem que está no sétimo andar da Unijorge, na Avenida Paralela, em Salvador. Desde às 12h40, o pânico tomou conta do local quando boatos de que um homem iria explodir uma bomba percorreu a faculdade. Foi registrado corre-corre, mas, de acordo com a assessoria da instituição que falou com o Bocão News, não há feridos ou mortos.
Equipes do Bocão News estão no local e acompanham o trabalho da polícia que está com grupos do Batalhão de Operações Especiais (Bope), Esquadrão anti-bombas, além de policiais da Rondesp e 50ª CIPM. O suspeito, qua ainda não teve a identidade revelada, estaria segurando um botão e com um colete, no qual estão os explosivos. A polícia evacuou o prédio. Não há reféns.
Em nota, o Batalhão  de Operações  Policiais Especiais (BOPE) informa que ainda não  há  informações  sobre a motivação  das ameaças. O acusado  está  isolado em uma sala. O caso também é  acompanhado  por equipes especializadas no Centro Integrado de Comando e Controle, instalado no Centro de Operações  e Inteligência.

Por Redação Bocão News | Fotos: Gilberto Junior


sábado, 23 de julho de 2016

EM MÉDIA, MORADORES PAGAM R$ 1.058,33 DE IMPOSTOS MUNICIPAIS. INVESTIMENTO É DE R$ 311

A sensação de que o brasileiro paga muito imposto, mas quase não percebe uma contrapartida do poder público não é só uma impressão. Ao analisar os dados comparativos de arrecadação dos impostos e o valor aplicado como investimento, nota-se que existe mesmo uma distância grande entre os valores.

Nas capitais São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador, Porto Alegre, Recife e Manaus, o contribuinte paga, em média, R$ 1.058,33 de impostos exclusivamente municipais por ano.

Por outro lado, o valor médio de investimento que essas prefeituras fazem em obras e novos equipamentos equivale a R$ 311,03 por contribuinte. Ou seja, o retorno per capita do imposto pago é de 29,3%. Os dados são do levantamento feito pelo R7 no Portal Meu Município.

O portal foi criado com o objetivo de permitir o acompanhamento das finanças dos municípios, mostrando dados de arrecadação, despesas correntes e investimentos. É possível fazer a comparação entre as cidades e o acesso ao site é gratuito.

"O portal surgiu em 2014 e reúne dados oficiais sobre as finanças e despesas dos municípios. A base de dados vai de 2010 a 2014. No final de julho, serão atualizados os dados de 2015 e também serão criadas abas especiais sobre as eleições municipais", disse Miriam Ascenso, gerente do Portal Meu Município.

No site, o  contribuinte também consegue comparar os valores dos tributos.  O IPTU (Imposto Predial e Territorial Urbano) gera para a prefeitura de São Paulo R$ 501 por habitante. De IPVA (Imposto sobre a Propriedade de Veículos Automotores) a cidade recebe R$ 183, no entanto, o investimento em obras e novos equipamentos públicos é de R$ 348,97.

No Rio de Janeiro, a arrecadação dos impostos, dividido pelo total de habitantes, é menor do que o de São Paulo: R$ 310 de IPTU e R$ 98 de IPVA, mas reverte uma fatia maior em investimentos. São R$ 548,55 por contribuinte ao ano.

Nas sete cidades pesquisadas pelo R7, o valor anual que os municípios gastam com a prestação serviços públicos é de R$ 2.329,97 por habitante.

O dado sobre despesas com prestação de serviços per capita é o gasto com:  salário dos servidores, despesas fixas de escolas, hospitais e transporte público. Também entram as despesas com manutenção e contas de luz e energia. Parte desta despesa é paga com recursos que são repassados dos estados e do governo federal.

Já o item investimento é a compra de novos equipamentos e as obras públicas. Por exemplo: se a prefeitura comprar 100 computadores para uma escola, o valor entra como investimento. No ano seguinte, as despesas com a manutenção e energia elétrica desses computadores entram como despesa de prestação de serviços.

Neste final de semana, o portal fará um evento em São Paulo com 60 hackerativistas que terão o desafio de desenvolver projetos que ajudem o contribuinte a entender e fiscalizar melhor as finanças da sua cidade. A ideia é adotar novas ferramentas que transformem os dados do Meu Município em soluções criativas de interesse público. 

Por Por: Juca Guimarães - Fonte: R7 (http://noticias.r7.com/brasil/nas-capitais-menos-de-30-do-valor-de-impostos-volta-em-melhorias-08072016). 



sexta-feira, 22 de julho de 2016

VAGAS DE EMPREGOS E ESTÁGIOS EM LAURO DE FREITAS

Segundo levantamento feito por instituições especializadas em recrutamento e seleção apontam que o comercio de Lauro de Freitas está disponibilizando vagas de empregos para quem deseja atuar nas seguintes profissões:

Assistente Administrativo;
Profissional Farmacêutico
Secretaria Executiva;
 Operador de Caixa;
Atendente de Farmácia;
Editor Gráfico;
Web Designer, etc.


Se você ainda não tem uma das profissões citadas acima, compareça na REALIZA CURSOS e inicie o seu treinamento. 

Endereço: Rua Jose Vicente, nº 25, Jardim Metrópole, bairro de Itinga – Lauro de Freitas (prox. do LARGO DO CARANGUEJO). https://www.facebook.com/realizacurso/?fref=ts
Ligue para 3365-6661 e agende uma visita.

Fonte:
http://www.catho.com.br/vagas/ba/lauro-de-freitas/
http://www.sine.com.br/vagas-empregos-em-lauro-de-freitas-ba
http://www.indeed.com.br/empregos?q=&l=Lauro+de+Freitas%2C+BA
http://www.infojobs.com.br/empregos-em-lauro-freitas,-ba.aspx



terça-feira, 19 de julho de 2016

7 CARACTERÍSTICAS QUE UM LÍDER DEVE DESENVOLVER

O líder dentro de uma organização torna-se o ponto de equilíbrio e peça-chave para fazer a diferença e buscar resultados, ele deve mais que todos acreditar no potencial da empresa e de sua equipe, infelizmente, podemos notar nas empresas muito bons profissionais que são alçados ao papel de líderes, mas por inabilidade ou despreparo não conseguem desenvolver esse papel adequadamente, o que causa muitos problemas para empresa em relação à clima e resultados.
Assim, só poderá ser agente motivador quem estiver motivado e partido desse princípio, existem características de lideranças que devem ser identificadas e potencializadas. Desenvolver essas competências torna-se fundamental para o sucesso de um líder, resultado da empresa e aumento de sua capacidade de empregabilidade. Podemos destacar alguns pontos fundamentais para atingir este objetivo:
- O primeiro diferencial é que o líder deve ser um apaixonado pelo que faz, se isso não ocorre não haverá inspiração e entusiasmo, assim se quer se tornar um líder, tenha em mente que fazer o que ama e amar o que faz;
- Um líder deve ser um profissional em que as pessoas confiem, por isso deve ser sincero e ter engajamento. Também é importante que demonstre maturidade com base em experiências passadas e teóricas, pois tem que estar em busca pela melhoria contínua a reciclagem;
- O conhecimento do que faz e a curiosidade de estar buscando coisas novas é fundamental, assim, o líder deve ser a base de informações e alternativas, ele deve estar sempre se aprimorando, senão pode virar a liderança que não é muito respeitas;
- Saber arriscar é imprescindível, por isso é fundamental que se tenha audácia quando necessário e posicionar sua opinião, também é necessário que se assuma as responsabilidade e culpas;
- Autoconhecimento e autocontrole são fundamentais, pois só olhando para dentro de si, que o líder saberá como agir com os parceiros e os seus limites.
- Ter resiliência é fundamental, pois é necessário estar pronto para mudar de rota sem perder a serenidade e foco, conduzindo sua equipe nas mudanças que o mercado impõe.
- Comunicar bem é fundamental, hoje um dos grandes erros de uma líder é não saber deixar claro para equipe os caminhos tomados e os motivos, é preciso saber falar, fazer reuniões e convencer.
Enfim, muito se confunde o líder com o “chefe”, mas ser líder não é apenas coordenam os trabalhos, é preciso aprofundamento sobre o tema, onde o líder é inspirador, motivador de equipes, demonstrando o caminho a ser seguido. Com isto, tendem à serem mais respeitados, atingindo a eficiência e resultados necessários para a produtividade e lucratividade da empresa.
Celso BazzolaAdministradores.com, 19 de julho de 2016, às 15h35 

sábado, 2 de julho de 2016

13 COISAS QUE PESSOAS MENTALMENTE FORTES NÃO FAZEM

 Muitas vezes ouvimos conselhos como: “Pense positivo e as coisas boas vão acontecer”, ou, “Faça o seu melhor e, consequentemente, as coisas vão funcionar.” Embora essas frases bem intencionadas tenham algum mérito, elas não irão ajudá-lo a alcançar seus objetivos se você estiver simultaneamente implicado com comportamentos doentios. Reconhecer e substituir os pensamentos, comportamentos e sentimentos não-saudáveis que podem estar sabotando seus esforços é a chave para a construção de força mental.

Tente comparar força mental com força física. Enquanto um fisiculturista mantém seu físico com bons hábitos, como ir para a academia, é igualmente importante para ele se livrar de hábitos não-saudáveis, como comer junk food. Um regime de exercícios não vai ser eficaz na construção muscular magra, a menos que hábitos alimentares pouco saudáveis também sejam eliminados.
Da mesma forma, a construção de músculo mental requer trabalho duro, dedicação e exercício. Além de adotar hábitos saudáveis, evitar hábitos não-saudáveis – como pensamentos negativos, hábitos improdutivos e emoções autodestrutivas –  também é essencial.
Se você está trabalhando para se tornar um pai mais paciente ou está se esforçando para se tornar um atleta de elite, a construção de força mental irá ajudá-lo a alcançar seus objetivos. Aprenda a identificar as armadilhas comuns que você está propenso a cair, e exercícios práticos que ajudarão você a se tornar o melhor de si.

1. PERDER TEMPO SENTINDO PENA DE SI MESMAS
Muitos dos problemas e tristezas da vida são inevitáveis, mas sentir pena de si mesmo é uma escolha. Se você está lutando para pagar suas contas ou está lidando com problemas de saúde inexplicáveis, entregar-se à auto-piedade não irá resolver os seus problemas. Se você estiver propenso a sentir pena de si mesmo quando as coisas vão mal, treine a sua mente para trocar a auto-piedade por gratidão. Pessoas fortes mentalmente não perdem seu tempo e energia pensando sobre o problema, em vez disso, concentram-se na criação de uma solução.

2. DAR O PODER AOS OUTROS
Pode ser muito tentador culpar outras pessoas pelos nossos problemas e circunstâncias. Pensando coisas como: “Minha madrasta me faz sentir mal sobre mim mesmo”, dá aos outros o poder sobre nós. Tome de volta o seu poder ao aceitar a plena responsabilidade pela forma como você pensa, sente e se comporta. Responsabilizar-se e criar o tipo de vida que você quer viver é um componente essencial para a construção de força mental.

3. TER MEDO DA MUDANÇA
Apesar de se sentirmos mais seguros quando ficamos dentro de nossas zonas de conforto, evitar novos desafios é um dos maiores obstáculos para vivermos uma vida plena e rica. Aprender a reconhecer quando você evita a mudança por causa do desconforto que sente ao fazer algo novo pode ser o primeiro passo de uma longa jornada em direção a uma vida melhor. Quanto mais você praticar a tolerância aos sentimentos desconfortáveis associados à mudança – quando, por exemplo, ao assumir um novo emprego ou deixar um relacionamento não-saudável – mais confiante na sua capacidade de criar o seu futuro você vai ficar.

4. GASTAR ENERGIA EM COISAS QUE ELAS NÃO PODEM CONTROLAR
Muitas vezes nos preocupamos com as coisas erradas. Ao invés de focar na preparação para a tempestade, desperdiçamos energia desejando que a tempestade não venha. Se investíssemos essa mesma energia para as coisas que podemos controlar, estaríamos muito mais preparados para o que a vida joga em nosso caminho. Preste atenção aos momentos em que você está tentado a se preocupar com algo que você não pode controlar – como as escolhas que outras pessoas fazem ou como o seu concorrente se comporta – e dedique essa energia em algo mais produtivo.

5. SE PREOCUPAR EM AGRADAR OS OUTROS
Um monte de gente diz: “Eu não me importo com o que os outros pensam”, mas muitas vezes isso é um mecanismo de defesa destinado a protegê-las do sofrimento e da dor associada com a rejeição. Pessoas que vivem para agradar vêm em todas as formas. Às vezes você pode identificá-la a um quilômetro de distância, mas em alguns casos o medo de desagradar os outros está profundamente enraizado. Fazer e dizer coisas que podem não ser atendidas com solicitude exige coragem, mas viver uma vida autêntica exige que você viva de acordo com os seus valores, mesmo quando as suas escolhas não são populares.

6. MEDO DE ASSUMIR RISCOS CALCULADOS
Fazemos dezenas – senão centenas – de escolhas todos os dias com muita pouca consideração aos riscos que estamos tomando. Se optamos por usar um capacete em um passeio de bicicleta, ou decidimos tomar um empréstimo, geralmente sustentamos nossas escolhas em nossas emoções, e não no verdadeiro nível de risco. Tomar decisões com base no seu nível de medo não é uma maneira exata para calcular o risco. As emoções são muitas vezes irracionais e pouco confiáveis. Você não vai conseguir ser extraordinário sem correr riscos; e aprender a calcular com precisão o risco vai garantir que você faça as melhores escolhas.

7. DEBRUÇAR SOBRE O PASSADO
Refletir sobre o passado e aprender com ele é uma parte útil da construção de força mental, mas ruminá-lo pode ser prejudicial. Fazer as pazes com o passado para que você possa viver para o presente e planejar o futuro pode ser difícil, especialmente se você já passou por uma série de infortúnios, mas é um passo necessário para tornar-se o melhor de si.

8. REPETIR OS MESMOS ERROS DE SEMPRE
Seria bom que ao aprender o suficiente de cada erro, ficássemos imunes para nunca mais repetir o mesmo erro. Mas a realidade é que estamos propensos a repetir os mesmos erros, às vezes. Aprender com os nossos erros exige humildade e uma vontade de procurar novas estratégias para se tornar melhor. Pessoas mentalmente fortes não escondem seus erros, ou dão desculpas para eles. Em vez disso, eles transformam seus erros em oportunidades de auto-crescimento.

9. SE RESSENTEM PELO SUCESSO DOS OUTROS
Ver um colega de trabalho receber uma promoção, ou ouvir um amigo falar sobre suas realizações, pode provocar sentimentos de inveja. Mas se ressentir pelo sucesso de outras pessoas só vai interferir na sua capacidade de atingir seus objetivos. Quando você está seguro em nossa própria definição de sucesso, você vai parar de invejar outras pessoas para se empenhar em alcançar os seus sonhos.

10. DESISTEM DEPOIS DE UM INSUCESSO
É normal se sentir envergonhado, desanimado, e francamente derrotado quando suas primeiras tentativas não funcionam. Desde a infância nos ensinam que o fracasso é ruim, mas é quase impossível ter sucesso sem nunca falhar. Pessoas mentalmente fortes veem o fracasso como prova de que eles estão se empenhando até o limite em seus esforços para alcançar seu pleno potencial.

11. MEDO DE FICAREM SOZINHAS
No mundo rápido de hoje ter um pouco de tempo em silêncio, muitas vezes, demanda um grande esforço. Muitas pessoas evitam o silêncio e a solidão, porque se sentem desconfortáveis com a falta de atividade. Mas um tempo para si mesmo é um componente essencial para a construção de força mental. Pessoas mentalmente fortes criam oportunidades para ficarem a sós com seus pensamentos, refletir sobre o seu progresso, e criar metas para o futuro.

12. SENTIR QUE O MUNDO NÃO LHES DEVE NADA
É fácil ser pego em um sentimento de direito sobre nossa sorte. Mas esperar que o mundo – ou as pessoas nele – lhe deem o que você acha que estamos em dívida não é uma estratégia de vida útil. Se você estiver ocupado tentando tirar o que acha que merece, então você não terá tempo para se concentrar em tudo o que você tem para dar. E todo mundo tem dons que podem ser compartilhados, independentemente de estarem ou não “quites” com a vida.

13. ESPERAR RESULTADOS IMEDIATOS
Não seria bom se tudo na vida pudesse acontecer com o toque de um botão? Nós geralmente crescemos tão acostumados com nosso mundo “sem linhas, sem espera”, que nossos cérebros começam a acreditar que tudo deve acontecer instantaneamente. Mas o auto-crescimento se desenvolve mais em ritmo de um caracol, do que na velocidade da luz. Se você estiver tentando perder peso ou desenvolver uma atitude mais graciosa, lentidão e constância vencerão a corrida e esperar resultados imediatos só irão levar você à decepção. Pessoas mentalmente fortes sabem que a verdadeira mudança leva tempo e, por isto, elas estão predispostas a trabalharem duro para ver os resultados.

A boa notícia é que todo mundo tem a capacidade de construir força mental. Mas, para isso, você precisa desenvolver a auto-consciência sobre os pensamentos, comportamentos e sentimentos auto-destrutivos que o impedem de alcançar seu pleno potencial. Depois de reconhecer as áreas que precisam ser trabalhadas, o comprometimento com os exercícios de força mental o ajudarão a criar hábitos mais saudáveis e a construir os ´´músculos mentais´´.
Por Amy Morin, LCSW - Fonte: www.amymorinlcsw.com/mentally-strong-people/



O Comércio de Lauro de Freitas está disponibilizando vagas de empregos para quem deseja atuar na profissão de Atendente de Farmácia, se você ainda não tem esta profissão no seu currículo compareça na REALIZA CURSOS e inicie já o seu treinamento. Ligue para 3365-6661 e agende uma visita.

BARCELLOS SERVIÇOS CONTÁBEIS

EM LAURO DE FREITAS VOCÊ ENCONTRA A MELHOR COPIADORA E GRÁFICA, NEW PRINT