sábado, 18 de fevereiro de 2012


Polícia divulga retrato falado de suspeito de estuprar menina no Rio
Do G1 RJ
A Polícia Civil divulgou na tarde desta sexta-feira (17) o retrato falado do suspeito de ter estuprado uma menina de 12 anos dentro de um ônibus no Jardim Botânico, na Zona Sul do Rio de Janeiro. Segundo a polícia, ele é moreno, tem cerca de 1,60 m, uma cicatriz no braço direito e usa o cabelo raspado. Ele está sendo procurado e deve responder por crime de estupro de vulnerável, cuja pena é de 10 anos de prisão.
Retrato falado do suspeito de estupro divulgado pela Polícia Civil (Foto: Divulgação)
Também foi divulgado nesta sexta o resultado do exame de corpo de delito realizado na vítima. De acordo com o delegado responsável pelo caso, Fábio Barucke, da 15ª DP (Gávea), não houve rompimento do hímen da jovem. Segundo a polícia, ainda será analisado por laboratório o material colhido durante o exame da menina.
O delegado revelou ainda que foi constatada uma equimose de cerca de 10 centímetros, espécie de mancha vermelha, próximo à nuca da jovem.
Fábio Baruke informou que o próximo passo da investigação será a perícia do material escolar da jovem. Caso sejam encontradas outras impressões digitais que não sejam da vítima, elas serão enviadas ao Instituto Félix Pacheco para identificação.
Segundo relatou a menina, ela foi estuprada na quarta-feira (15), dentro de um ônibus. O homem entrou armado no veículo, da linha 162 (Glória/Leblon), e coagiu a vítima a ir para o último banco do coletivo.
A vítima contou à polícia que estava sozinha no ônibus quando o criminoso entrou, no Leblon, também na Zona Sul. O motorista do veículo só teria percebido o estupro, após ser comunicado por duas passageiras, já no bairro Jardim Botânico.
“Durante o trajeto entre o Leblon e o Jardim Botânico, estavam no ônibus, além do motorista, apenas a menina e o estuprador. Quando entraram outras duas passageiras no Jardim Botânico, elas gritaram, o motorista parou o veículo, e o criminoso fugiu. Testemunhas relataram que ele pegou um ônibus em direção a São Conrado”, detalhou Fábio Barucke.
O delegado disse que o ataque durou cerca de 14 minutos. O ônibus possui câmeras de segurança que registraram a entrada e saída do criminoso.
Postar um comentário

Na Realiza Cursos tem a profissão que coloca você no mercado de trabalho!