sexta-feira, 2 de março de 2012

Jovens entram cada vez mais cedo para a universidade em Uberlândia


Pesquisa aponta que média de idade na UFU é de 17 e 18 anos.
Coordenador atribui o fato à data de entrada no ensino fundamental.

Do G1 Triângulo Mineiro

Devido às alternativas de ingresso às universidades, os jovens têm iniciado o ensino superior cada vez mais cedo. EmUberlândia, juntando o resultado do último Sistema de Seleção Unificada (Sisu) e Programa de Ação Afirmativa de Ingresso no Ensino Superior (Paaes), os jovens alunos são maioria na Universidade Federal de Uberlândia (UFU). A média de idade dos matriculados que entraram pelo Sisu ficou em 21,4 anos. O maior percentual é de alunos com 18 anos e em segundo lugar a turma com 17 anos. (Confira abaixo a pesquisa feita pela UFU)
No começo há dificuldades de adaptação, medo de estar no curso errado, mas logo as vantagens aparecem. Muitos universitários iniciam o curso superior com uma média de 17 anos de idade. É o caso de Pedro Paulo Souza Alves, que tem 17 anos e começou a fazer Engenharia Elétrica. Para ele as novidade são grandes, mas de acordo com o estudante, a vida na universidade é bem diferente. “Aqui na universidade a vida é completamente diferente. Não tem carga horária certinha igual no ensino médio e professor não fica correndo atrás do aluno. A cobrança aqui vai ser boa porque vamos adquirir muita maturidade”, contou.
Muitos jovens têm o mesmo ponto em comum. Para o engenheiro elétrico Gustavo Ferreira a adaptação pode ser um complicador por causa da pouca idade.“É complicado porque você presta vestibular e não sabe o que realmente vai ver no curso, ou que área vai atuar”, disse.
Por outro lado, os jovens ingressantes no ensino superior enxergam benefícios. Camila Magalhães, estudante de Engenharia Química, comentou que ser jovem significa ganhar tempo. “Vamos ter mais tempo para nos preparar e ver coisas novas na faculdade e depois dela vamos ter tempo também para podermos nos capacitar para o mercado de trabalho”, ressaltou.
Cláudio Miotto é coordenador de aplicação de provas e atribui a entrada mais cedo na faculda à pequene diferença de idade para quem ingressa no ensino fundamental. "Em função da data de nascimento da criança pode-se entrar no ensino fundamental com 6 ou 7 anos, o que acaba por consequência apresentado esta estatística com esta pequena diferença quando ingressar na faculdade. Também se percebe uma oferta maior de vagas no país para o ensino superior”, finalizou o coordenador de aplicação de provas.
Média de idade dos universitários da UFU:
Sisu
18 anos - 26,6%
17 anos - 22,9%
19 anos - 11,7%
16 anos - 0,6%
Paaes
17 anos - 68,8%
18 anos - 25,9%

Postar um comentário

Na Realiza Cursos tem a profissão que coloca você no mercado de trabalho!