quinta-feira, 29 de março de 2012

Menino mata aulas para ficar na web, pai se revolta e o acorrenta a poste


Caso polêmico ocorreu esta semana em Battambang, no Camboja.
Polícia foi chamada, e pai fugiu do local; ele é procurado por abuso.

Do G1
 Um homem que se revoltou com o filho adolescente por ele deixar de ir à escola para ficar jogando games na internet acorrentou o jovem pelo pescoço a um poste de energia elétrica na terça-feira (27) em Battambang, no Camboja. A cidade fica 290 km ao noroeste de Phnom Penh.
O castigo gerou polêmica e a polícia foi chamada ao local. O pai, que tem 40 anos de idade e trabalha como moto-táxi, fugiu e está sendo procurado por abuso de menor.
Postar um comentário