quinta-feira, 1 de março de 2012


Salvador é a 12ª capital brasileira em qualidade dos serviços do SUS; Rio é a pior

Salvador é a 12ª capital brasileira com melhor avaliação nos serviços oferecidos pelo Sistema Único de Saúde (SUS), aponta o índice de desempenho lançado nesta quinta(1º)  pelo Ministério da Saúde. A capital com melhor desempenho é Vitória, no Espírito Santo, com 7,08 – única a ultrapassar a barreira dos sete pontos no Índice de Desempenho do SUS (IDSUS), que pretende avaliar o desempenho de acesso e qualidade dos serviços oferecidos pelo SUS no país. Com nota 5,87, a capital baiana fica atrás de cidades do Nordeste como Recife (5,91) e Natal (5,9). Com pontuação que vai de 0 a 10, as aferições do IDSUS 2012 levaram em conta dados sobre saúde básica, ambulatorial, hospitalar e de emergência repassados pelos municípios, entre 2008 e 2010, a bases de dados nacionais, como o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatísticas (IBGE), Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada (Ipea), além de outros órgãos. Ao gerar a nota, o ministério leva em conta o acesso aos serviços do SUS e se esses atendimentos são prestados em sua totalidade. Esses critérios, ponderados, resultam na nota final. A pior avaliação é a do Rio de Janeiro, que obteve apenas 4,33 no levantamento. Técnicos da pasta avaliam que problema comum aos grandes centros é a dificuldade de acesso aos serviços do SUS, ou seja, os usuários não conseguem sequer ser atendidos – filas e desistências são comuns nesses locais.
Postar um comentário