terça-feira, 27 de março de 2012

Sessão da Câmara de Itatinga, SP, termina em pancadaria Vereadores discutiram e acabaram trocando socos.


Do G1 Bauru e Marília

Sessão da Câmara termina em pancadaria em Itatinga
 ( Foto: Reprodução/ TV Tem

Na noite desta segunda-feira (26), a sessão na Câmara de Itatinga (SP) foi tumultuada e os vereadores acabaram se espancando no plenário. Mais de 100 pessoas acompanhavam as votações que decidiriam por uma possível cassação do prefeito da cidade.

A denúncia foi feita pelo vereador Júlio Fogaça e lida pela secretária, mas foi rejeitada por votação. Uma segunda denúncia, desta vez contra o próprio vereador, foi feita por um morador da cidade, mas também não foi aceita pela maioria da Câmara.

O problema começou quando os parlamentares começaram a desenrolar suas falas no plenário. Durante a fala do vereador Antônio dos Santos Barbosa, houve uma interrupção feita por Júlio Fogaça. Os dois se empurraram. O vereador Marcos Feliciano tentou separar, mas também foi atingido.

Os dois vereadores que começaram a briga se agarraram e trocaram socos e só foram separados pelos policiais militares que acompanhavam a sessão. As pessoas que assistiam invadiram o plenário e também foram contidas pela PM.

O vereador Júlio Fogaça afirmou que a discussão é normal dentro da Câmara. Já o vereador Antônio disse que foi provocado pelo vereador da oposição e reagiu aos comentários do colega.

A polícia precisou de reforços. O efetivo, que geralmente trabalha com quatro homens, foi aumentado para dez policiais. Na saída, populares que acompanhavam a sessão ainda xingaram Júlio Fogaça, que precisou ser escoltado até o carro.
Postar um comentário

Na Realiza Cursos tem a profissão que coloca você no mercado de trabalho!