quarta-feira, 11 de abril de 2012

Operação rescaldo continuou à noite no galpão incendiado


Do Portal Ipitanga
A prefeita Moema Gramacho, de Lauro de Freitas, fez um agradecimento aos bombeiros e voluntários que se desdobraram para debelar o incêndio nos galpões da Insinuante, durante toda esta terça-feira.  No final da tarde, ainda com muita fumaça entre restos de colchões e eletrodomésticos, a prefeita destacou o “espírito de solidariedade”, que permitiu controlar os principais focos de fogo em pouco tempo, apesar das grandes proporções que o incêndio tomou nas primeiras horas da manhã. A operação de rescaldo continuará durante toda a noite.

“Logo que soube do incêndio, pouco depois das 6h, acionei o Corpo de Bombeiros de Lauro de Freitas. Quando soube das proporções, pedi ajuda à Infraero, governo do Estado, Prefeitura de Camaçari e Pólo Petroquímico. Todos atenderam”. As primeiras viaturas a chegar ao local foram as da base Lauro de Freitas e logo depois os carros da Infraero, que enviou ao local dois veículos e quatro carros-pipa. Fafen, Brasken e Deten enviaram viaturas e a Embasa disponibilizou oito carros pipa.

Moema esteve no local várias vezes e  acionou a Secretaria de Transito e Transporte do município para dar suporte às ações, atuando junto com a Polícia Rodoviária no controle do tráfego. “Felizmente não houve vítimas”, destacou, lamentando, no entanto, os prejuízos e o susto dos trabalhadores que encerravam o turno da noite no local.

Não faltou água para o trabalho dos bombeiros. Além dos hidrantes instalados nas proximidades, os bombeiros tiveram acesso aos tanques de órgãos públicos mais próximos e reservatório da própria loja. No local durante todo o dia, o coordenador da Defesa Civil local e secretário de Governo, Ápio Vinagre, também conseguiu apoio no fornecimento de água nos supermercados da Estrada do Coco – Atacadão, Atacarejo e Hiperbompreço.

A Defesa Civil de Lauro de Freitas foi alertada por volta das 6h10 por populares. A Central de Telecomunicações das Polícias Civil e Militar (Centel) já havia sido contatada e veículos seguiam para o local. Segundo Ápio Vinagre, a prefeitura atuou como “força auxiliar, viabilizando suporte de água”, além de ter disponibilizado três carros-pipa e uma retroescavadeira que está sendo utilizada para retirar os escombros.

O incêndio foi controlado por volta das 10h30, mas havia fumaça até o final da tarde. Foram atingidos dois galpões, onde havia principalmente móveis e eletrodomésticos. Os prejuízos ainda não foram contabilizados. Os galpões atingidos guardavam estoques que atendiam às lojas Insinuantes de todo o Nordeste.
Postar um comentário