terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Responsáveis pela Arena Fonte Nova negam falta de documentação necessária

Por Lucas Franco
Foto: Lucas Franco/ Bahia Notícia
Embora as pendências da Arena Fonte Nova estejam documentadas e o projeto executivo do estádio seja considerado “ineficaz” pela Controladoria Geral da União (CGU), dois dos responsáveis pelas obras não enxergam problemas no andamento dos trabalhos e garantem que tudo acontece com normalidade. Em coletiva de imprensa realizada na Arena Fonte Nova na tarde de segunda-feira (17), o presidente do consórcio Fonte Nova Participações, Dênio Cidreira, admitiu saber da informação. “Acompanhei pela imprensa essa notícia. Entregamos todos os documentos solicitados, mas não chegou nenhuma solicitação como a que foi dita pela imprensa. Não há nada de novo em relação ao que aconteceu”, argumentou. Já o diretor de engenharia da Arena Fonte Nova, José Luiz Goés, não enxerga riscos de o BNDES cortar o financiamento por falta de orçamento detalhado. “Nós não trabalhamos com essa hipótese, como nosso presidente comentou, houve essa veiculação, mas não houve nenhum tipo de demanda para a Arena Fonte Nova no sentido de apresentar mais algum tipo de informação técnica adicional para que possa haver mais alguma avaliação. Tudo que foi solicitado nós entregamos e não enxergamos nenhum tipo de risco [de corte de verba do BNDES]”, disse. De acordo com o relatório da CGU (veja aqui), a documentação entregue não pode ser considerada como projeto executivo, o que coloca em risco o pagamento da última parcela do financiamento para a construção do estádio.
Postar um comentário

Na Realiza Cursos tem a profissão que coloca você no mercado de trabalho!