domingo, 19 de fevereiro de 2017

POR QUE TODO CRISTÃO PRECISA CONHECER A "SANTA OVELHA"?

Imagem ilustrativa extraída do Google 

 
A “santa ovelha” caminha por uma estrada longa em busca de sossego e paz para a sua alma, não satisfeita com sua a natureza pecadora sai como uma criança desmamada ansiando o desvelo maternal. Ela quer, crescentemente, ser exemplo notório em seu curral. Justiça, caráter, atitude e comportamento oscilando  entre bem e do mal a deixa inquieta e irritada, a ovelha sagrada. É, com ela não tem meio termo e muito mesmo transgressão!

Meus amigos, meus amigos se querem estar com ela no som da harpa devem cantar. Ela é assim, é Santa! A sua lei não podem ignorar. Se transgridem como Zaqueu cobrando imposto sem parar, ou como Paulo perseguindo os Cristãos; como Abraão, Isaque e Jacó misericórdia de Deus vós não tereis! A “Santa Ovelha” vai pegar você! Em todo aprisco tem uma, tem uma “Santa Ovelha”. Cuidado servo pecador, não desgarre do seu rebanho, pois a “Santa Ovelha” está de olho em você... Ela está em qualquer lugar, no meio da igreja, cantando com os levitas ou no púlpito a pregar... Cuidado, cuidado meu irmão a “Santa Ovelha” na sua queda ela quer se alimentar. Cuidado!

Com um perfil irônico, descrevo a “Santa Ovelha”, digo com toda certeza e sem hipérbole, que temos, no intrínseco do nosso “EU” a natureza do velho Adão... Quando as mascaras caem muitos revelam quem realmente são... "Cuidado com os falsos profetas. Eles vêm a vocês vestidos de peles de ovelhas, mas por dentro são lobos devoradores”. (Mateus 7:15)

Vamos parar de demonstrar uma aparência temperada se na verdade somos imperfeitos e salgados! Desviemos-nos da avareza, calúnia, egoísmo e inveja do nosso irmão. Vamos parar de dizer que somos luz como se dependesse exclusivamente de nós para recebermos a graça e a misericórdia de Deus. Vamos! Vamos parar de apontar para ele ou ela... Vamos fazer a nossa parte para que a palavra do Senhor ilumine a nossa alma e alegre o nosso coração, trazendo a verdadeira paz de Cristo Jesus em nossa vida e na vida do nosso irmão.

Por Adilson Lima
Postar um comentário