sexta-feira, 28 de setembro de 2018

ENTENDA O QUE É LICENCIATURA EM LETRAS E COMO O CURSO FUNCIONA

Entenda o que é licenciatura em letras e como o curso funciona

“Quem faz letras só pode ser professor.” Você já ouviu essa frase por aí? Ou até mesmo já a pronunciou? É verdade que muitas pessoas embarcam no curso de letras com a intenção de trabalharem em sala de aula, mas a área é mais ampla do que muitos pensam.
Afinal, a resposta à pergunta sobre o que é licenciatura em letras é bastante complexa — tanto que preparamos este post especialmente para você, que tem interesse em conhecer melhor o curso para, então, decidir se ele é o melhor caminho para seguir.
De maneira geral, o curso de letras representa um mergulho na língua portuguesa ou em uma língua estrangeira, assim como em tudo que a forma: regras gramaticais, classes de palavras, dialetos, literatura, história, cultura do país e muito mais. Trata-se, portanto, de uma formação voltada para quem é apaixonado por idiomas e tudo que os envolvem.
E os caminhos que o profissional com licenciatura em letras pode servir após a formatura incluem trabalhar como professor, é claro, mas também em diversos outros cargos que exigem conhecimento e interesse em uma determinada língua.
Para ajudar você a entender melhor o curso e a carreira do licenciado em letras, o post de hoje vai falar mais sobre o profissional, a graduação e o mercado de trabalho, trazendo todas as informações necessárias para que você possa tomar sua decisão. Pronto? Então, continue a leitura e comece a se preparar para a sua carreira!

O profissional com licenciatura em letras

Você ama português e/ou inglês, espanhol, francês, italiano, alemão ou outros idiomas? É fascinado por literatura e pelo poder da palavra? Gosta de estudar história e cultura? Tem interesse na influência mútua entre povo e idioma? Essas são apenas algumas das questões em que você se aprofundará durante o curso de letras.
Por isso, é fundamental que elas representem pontos que lhe encantem e sobre os quais você tenha vontade de estudar. A licenciatura em letras exige muita leitura, escrita e análise, ou seja, é para quem gosta de mergulhar nos livros e refletir de maneira crítica e embasada em teorias sobre o que leu.
A área contém diferentes campos de atuação, fazendo com que pessoas com perfis e interesses variados possam encontrar seu lugar nas letras. Mesmo assim, há algumas características particularmente interessadas para quem for seguir esse caminho.
A seguir, conheça melhor o perfil e as possibilidades do profissional com licenciatura em letras. Você consegue imaginar este futuro para você? Se a resposta for sim, você pode ter encontrado sua vocação. Vamos lá:

1. As funções que pode exercer

Primeiramente, o licenciado em letras pode atuar como professor do idioma em que ele se formou e também em sua respectiva literatura.
Muitos cursos de letras oferecem licenciaturas em duas línguas ao mesmo tempo, normalmente, português e uma língua estrangeira. Você poderá dar aulas em escolas, cursinhos e faculdades, de acordo com suas qualificações e experiências profissionais.
Mas trabalhar com idiomas oferece possibilidades de atuação bem mais amplas. O domínio de uma língua permite que você trabalhe também com revisão, edição, redação e tradução de textos (técnicos, acadêmicos e de literatura), tanto como freelancer ou como profissional contratado por uma agência de conteúdo ou editora de livros, por exemplo.
Se você tiver interesse em seguir algum desses caminhos, é recomendado que procure disciplinas isoladas nessas áreas durante a faculdade e, depois, cursos de especialização para trazer mais expertise e complementar seu currículo.

2. Em quais empresas pode atuar

Já falamos de escolas, cursinhos e universidades em que você poderá dar aula, assim como as editoras e agências de conteúdo que podem contratá-lo se quiser trabalhar com conteúdo técnico, acadêmico e literário. E não se esqueça da opção como freelancer — que, mesmo que não seja sua única função, pode complementar sua renda, seja por meio de revisões, redação de textos, traduções ou aulas particulares, por exemplo.
Há, ainda, escolas particulares de idiomas estrangeiros. Atualmente, o mercado já exige o inglês, ou seja, falar essa língua deixou de ser um diferencial. O espanhol também é altamente requisitado. Portanto, escolas para ensinar os dois idiomas estão sempre à procura de professores qualificados. O mesmo vale para aquelas voltadas para outras línguas — que, essas sim, serão diferenciais nos currículos de seus estudantes.
Você também pode trabalhar com veículos da imprensa, como sites, jornais e revistas. As redações sempre precisam de editores e revisores e, muitas vezes, também de tradutores.

3. O que o profissional de letras faz

Quem passa pela licenciatura em letras torna-se expert na língua em que se formou e, assim, pode fazer qualquer coisa que envolver analisar, produzir, corrigir, ensinar, traduzir dentro desse idioma.
Portanto, o profissional de letras é absolutamente essencial para a sociedade. Os professores de português, idiomas estrangeiros e literatura expandem imensuravelmente as mentes de seus alunos, ajudando-os a se tornarem estudantes que sabem se expressar em diferentes meios, produzir material de qualidade dentro de suas áreas e analisar criticamente todo o conteúdo que consomem.
Compreender nosso próprio idioma e também línguas estrangeiras é fundamental para que possamos nos comunicar uns com os outros, seja por meio de conversas, palestras, vídeos, textos, livros, reportagens, poesias etc. Tudo isso faz parte do cotidiano de trabalho do profissional de letras.

O curso de licenciatura em letras

Como funciona o curso de licenciatura em letras? Você vai descobrir agora mesmo!

1. Tempo de duração

Você pode fazer apenas a licenciatura em letras ou, então, a graduação dupla, que une bacharelado e licenciatura em um curso simultâneo, já que grande parte das disciplinas é comum a ambos.
Isso não costuma alterar o tempo de duração do curso, que é de quatro anos. Então, cabe a você decidir se quer ampliar as possibilidades de atuação e se aprofundar em algumas questões por meio do bacharelado ou ficar só na licenciatura.
Em vez da graduação tradicional, você pode escolher o ensino a distância, que também dura quatro anos, mas dentro do qual você tem mais liberdade de escolher seus horários de estudo.
Essa opção é ótima para quem precisa conciliar trabalho e faculdade, mora longe de instituições de ensino renomadas ou não tem recursos financeiros para uma graduação tradicional — a educação a distância é mais barata não apenas pela mensalidade, mas também porque você economiza na compra de materiais e no transporte.

2. Principais disciplinas do curso

As principais disciplinas do curso de licenciatura em letras envolvem análise literária, produção de textos, história do idioma, tradução, evolução da língua e uso dos idiomas. Outras, mais teóricas, são semântica e fonologia, imprescindíveis para entender profundamente o idioma e para que você conheça o trabalho dos maiores pesquisadores da área.
Essas disciplinas existem tanto para o português quanto para o idioma estrangeiro que você escolheu, se for o caso. Em alguns casos, a segunda língua faz parte do currículo desde o início do curso; em outros, você pode optar por estudá-la ou não a partir do segundo ou terceiro semestre, dependendo da instituição.
Matérias como análise de discurso e escrita criativa ensinam todas as formas com que o idioma pode ser moldado para transmitir a mensagem que você deseja e para envolver quem vai recebê-la. O dom da oratória e do discurso é fundamental, por exemplo, para políticos, gerentes, empreendedores e palestrantes. Viu só como o alcance da licenciatura em letras é extenso e relevante?
Há, ainda, disciplinas pedagógicas exclusivas da licenciatura, que vão ensinar sobre metodologias de ensino, tecnologias utilizadas para a educação e muito mais preparando você para transmitir seus conhecimentos em sala de aula.
A faculdade também exige um estágio obrigatório ao longo da faculdade, que envolve assistir e fazer relatórios sobre aulas em escolas, e a entrega de um trabalho de conclusão de curso.

3. Os aprendizados que o curso oferece

As disciplinas teóricas e práticas ensinarão você não apenas a compreender o idioma em toda a sua complexidade e fascínio, mas também a manipulá-lo à vontade de acordo com as suas intenções. Isso o permitirá trabalhar em diversos aspectos da produção de conteúdo, desde a escrita até a edição — pois você entende o poder das palavras e como utilizá-las para transmitir uma determinada mensagem com eficiência para cada destinatário.
Enquanto isso, as disciplinas pedagógicas da licenciatura permitirão que você compreenda como desenvolver as melhores e mais eficientes aulas de português, língua estrangeira ou literatura para seus alunos. Isso envolve desde as metodologias de ensino até o uso de recursos tecnológicos em sala de aula, passando por sua postura e pelo exemplo que você passa enquanto professor, essa figura tão fundamental na vida de todos nós.

O mercado de trabalho para o profissional da área

A amplitude das possibilidades de atuação do licenciado em letras faz com que as condições de salário e oportunidades de emprego sejam bastante variadas. Afinal, mesmo dentro de uma mesma função, como professor, há diferenças dependendo se você for trabalhar em uma escola pública ou em um cursinho particular pré-vestibular, por exemplo.
De qualquer forma, é possível ter uma ideia do que vem por aí. Descubra agora o que você vai encarar após a formatura!

1. Remuneração

O menor salário-base inicial costuma ser encontrado na educação básica — a remuneração para um professor nessa categoria é de cerca de R$ 800. Em um nível intermediário, o salário fica em torno dos R$ 2,5 mil e, no auge da carreira, que acontece depois de cerca de sete anos após o primeiro passo, fica em torno de R$ 5 mil.

2. Mercado de trabalho

Todo mundo precisa conhecer nosso idioma materno e falar pelo menos um idioma estrangeiro — preferencialmente, mais de um. Ou seja, os profissionais de letras nunca perderão relevância ou ficarão sem oportunidades de emprego.
No início da carreira, as principais vagas podem ser encontradas em escolas. Nas empresas, você já está capacitado para conquistar cargos de assessoria linguística, revisão e tradução de textos.
Conforme ganha experiência de trabalho e aprimora seu currículo com cursos de formação e de especialização, você pode assumir a coordenação da escola em que trabalha, ou até mesmo cargos de gerência. Essas funções exigem experiência em sala de aula, muitas vezes, de preferência na própria instituição de ensino.
Muitos profissionais com licenciatura em letras também escolhem seguir carreira acadêmica, embarcando no mestrado e no doutorado logo após a conquista da licenciatura. Se você tem esse objetivo, pode dedicar-se somente a isso ou a um emprego que lhe permita conciliar os dois aspectos da sua rotina profissional.

3. Um panorama geral da carreira

Como deu para perceber, sempre haverá espaço para o profissional licenciado em letras, pois ele é fundamental para diversos aspectos da sociedade e da produção de conteúdo. Afinal, sua influência é percebida desde a infância, quando estudamos nosso próprio idioma.
É como diz aquela frase, bem mais otimista e próxima da realidade do que a que abrimos este texto: “os professores exercem a única profissão que forma todas as outras profissões.” Isso vale para qualquer professor formado em letras, já que todas as carreiras exigem o domínio do idioma nativo e de línguas estrangeiras.
E olha que estamos falando de apenas um caminho possível para o profissional de letras. A produção textual mudou muito ao longo dos séculos, mas ela jamais vai sumir. Enquanto tivermos livros (tanto físicos quanto e-books), revistas, jornais, sites e conteúdo digital, sendo produzido e consumido, vamos precisar de pessoas licenciadas em letras.
Afinal, nós moldamos nosso idioma e somos moldados por ele — é somente por meio da educação que o país pode progredir. Também por isso, em nosso país, não falta demanda para educadores e outros cargos para os licenciados em letras.
As nações com os maiores índices de qualidade de vida do mundo, como Suécia e Finlândia, têm o respeito à educação e aos educadores como um de seus pontos em comum. Atuando ou não em sala de aula, o profissional licenciado em letras faz parte dessa revolução.
Viu só? Entender melhor o que é licenciatura em letras permite que você tome a melhor decisão para sua vida e para sua carreira. Letras é o caminho para você? Então, aproveite e conheça agora mesmo o curso a distância de licenciatura do EAD Laureate!
Postar um comentário